Pesquisar neste blogue

O que acontece quando o inimigo afronta a quem tem vida com Deus?


 Na história bíblica, foi levantado um poder mais forte visto no Oriente, chamado o império Assírio, em sua época devorou todas as nações que passavam em seu caminho e tratava duramente seus cativos, eles eram tão rudes que cortavam partes do corpo tais como orelhas, nariz e lábios, além de obrigar a fazerem o trabalho duro. Os soldados cativos tinham ainda um tratamento muito pior, tinham seus olhos furados, suas línguas cortadas, eram esfolados, queimados vivos, espetados em estacas. Por esse motivo, poucas nações publicamente tiveram coragem de desafiar o império Assírio.
 Ezequias rei de Judá, se revolta contra o império Assírio recusando pagar seus impostos elevados, em resposta, o Rei Senaqueribe ataca Judá após ter destruído o reino do Norte de Israel, Ezequias tentou apaziguar a situação enviando grande quantidade de ouro e prata, porém Senaqueribe não mostrou nenhuma piedade, uma cidade após a outra dentro da fronteira de Judá caía diante da crueldade da Assíria e logo restava somente a cidade de Jerusalém.
 Antes que Senaqueribe chegar a Jerusalém, Ezequias percebeu que a colina ocidental da cidade estava desprotegida e vulnerável, e ordenou a construção de uma grande parede maciça, a fonte principal de água de Jerusalém a fonte de Gion, também precisava de proteção, se isso não fosse feito seus inimigos poderiam bloquear a fonte retirando toda água da cidade, um ousado plano de Ezequias foi a construção de um túnel desviando a fonte equivalente a um quarto de milha. Projeto este concluído antes da chegada de Senaqueribe em Jerusalém.
 A aniquilação de Judá parecia certa, o comandante supremo Rabsaqué se aproximou do muro da cidade, para se reunir com os servos do rei e leu uma carta de Senaqueribe em voz alta, para que todo o povo ouvisse e começou a lançar insultos contra Ezequias e o Rei de Israel.
  Em uma analogia com a vida de quem serve a Deus, o
Rei Senaqueribe representa o adversário, o comandante Rabsaqué, as pessoas enviadas pelo adversário para desmotivar diante das situações adversas e o Rei Ezequias, cada um daqueles a qual serve a Deus e diante da afronta não se desespera.
Na nossa vida iremos enfrentar diariamente “Senaqueribe” querendo nos afrontar com a intenção de nos vencer. 1 Pedro 5.8 Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar;
Por muitas vezes, assim como Senaqueribe enviou seu comandante supremo para ler sua carta de afronta, de igual maneira nosso adversário vai usar diversas pessoas até mesmo que estão próximas a nós para lançar palavras de medo, tentando nos intimidar.



Três atitudes de Ezequias diante da afronta.
“E aconteceu que, tendo ouvido isso, o rei Ezequias rasgou as suas vestes, e se cobriu de saco, e entrou na casa do Senhor.” Isaías 37.1.


Rasgar as vestes.


Rasgar as vestes era uma forma de mostrar grande angústia. Ezequias diante da afronta se coloca na posição de total dependência de Deus. Isaias 37.17 “Inclina, ó Senhor, o teu ouvido, e ouve; abre, Senhor, os teus olhos, e vê; e ouve todas as palavras de Senaqueribe, as quais ele enviou para afrontar o Deus vivo”.


Cobriu-se de saco.


Cobrir-se de saco foi uma evidência da humildade de Ezequias diante daquele quem verdadeiramente é poderoso para fazer qualquer coisa em nossas vidas. Lucas 18.14 “Digo-vos que este desceu justificado para sua casa, e não aquele; porque qualquer que a si mesmo se exalta será humilhado, e qualquer que a si mesmo se humilha será exaltado”.


Entrou na casa do Senhor.


Essa atitude foi tremenda que Ezequias tomou, ele poderia ir a qualquer lugar da cidade, porém diante da afronta ele foi a Casa do Senhor, foi estar próximo a presença de Deus. Não há outro caminho a seguir a não ser este; talvez possamos neste momento estar sendo afrontados por “Senaqueribe” em alguma área de nossa vida, mas quando entramos na presença de Deus com sinceridade e humildade há uma manifestação poderosa de Deus para acontecer. Salmos 31.20 “Tu os esconderás, no secreto da tua presença, dos desaforos dos homens; encobri-losás em um pavilhão, da contenda das línguas”.


 AFRONTADOS, PORÉM NÃO VENCIDOS.

Material Do Participante

QUEBRA GELO
Qual é a sua hora preferida do dia? por quê? 
______________________________________
______________________________________
______________________________________

SUGESTÃO DE LOUVOR
Hino 225 Da H.C “Sê Valente”.

OBJETIVO
Compreender que mesmo que os adversários que encontraremos em nossa vida cristã venham nos afrontar, nossa atitude é o que irá definir se seremos vencedores ou não.

MUDANÇA DE VIDA
Entregar verdadeiramente todo tipo de situação nas mãos de Deus, sabendo que somos preciosos aos seus olhos e ele lutará por nós.

TEXTO BÍBLICO – Isaias 37. 14-20 e 24-29.
“14. Recebendo, pois, Ezequias as cartas das mãos dos mensageiros, e lendo-as, subiu à casa do Senhor; e Ezequias as estendeu perante o Senhor. 15. E orou Ezequias ao Senhor, dizendo: 16. Ó Senhor, dos Exércitos, Deus de Israel, que habitas entre os querubins; tu mesmo, só tu és Deus de todos os reinos da terra; tu fizeste os céus e a terra. 17. Inclina, ó Senhor, o teu ouvido, e ouve; abre, Senhor, os teus olhos, e vê; e ouve todas as palavras de Senaqueribe, as quais ele enviou para afrontar o Deus vivo. 18. Verdade é, Senhor, que os reis da Assíria assolaram todas as nações e suas terras. 19.E lançaram no fogo os seus deuses; porque deuses não eram, senão obra de mãos de homens, madeira e pedra; por isso os destruíram. 20. Agora, pois, ó Senhor nosso Deus, livra-nos da sua mão; e assim saberão todos os reinos da terra, que só tu és o Senhor. 24. Por meio de teus servos afrontaste o Senhor, e disseste: Com a multidão dos meus carros subi eu aos cumes dos montes, aos últimos recessos do Líbano; e cortarei os seus altos cedros e as suas faias escolhidas, e entrarei na altura do seu cume, ao bosque do seu campo fértil. 25. Eu cavei, e bebi as águas; e com as plantas de meus pés sequei todos os rios dos lugares sitiados. 26. Porventura não ouviste que já há muito tempo eu fiz isto, e já desde os dias antigos o tinha formado? Agora porém o fiz vir, para que tu fosses o que destruísse as cidades fortificadas, e as reduzisse a montões de ruínas. 27. Por isso os seus moradores, dispondo de pouca força, andaram atemorizados e envergonhados; tornaram-se como a erva do campo, e a relva verde, e o feno dos telhados, e o trigo queimado antes da seara. 28. Porém eu conheço o teu assentar, e o teu sair, e o teu entrar, e o teu furor contra mim. 29. Por causa do teu furor contra mim, e porque a tua arrogância subiu até aos meus ouvidos, portanto porei o meu anzol no teu nariz e o meu freio nos teus lábios, e te farei voltar pelo caminho por onde vieste”.

IDENTIFICANDO COM O TEMA
1 – Qual sua reação diante de comentários diretos sobre sua pessoa?
______________________________________
______________________________________
______________________________________

2 – Para você, qual significado da palavra “afronta”?
______________________________________
______________________________________
______________________________________

3 – Você já viveu uma situação na qual foi afrontado por causa da sua fé?
______________________________________
______________________________________
______________________________________
ESTUDO BÍBLICO
1 – Qual o significado de rasgar as vestes?
______________________________________
______________________________________
______________________________________


2 – Em que posição se colocou Ezequias diante das afrontas?
______________________________________
______________________________________
______________________________________

3 – O que evidenciava o ato de vestir-se de saco?
______________________________________
______________________________________
______________________________________

4 – Qual lugar Ezequias procurou ao ser afrontado?
______________________________________
______________________________________
______________________________________